Notícias

11/04/2017 - 13:46 | Editado em: 11/04/2017 - 14:10

Executivo reitera demandas junto à SSP

Imagem Notícia

Na quinta-feira (6), a prefeita Fabiany Zogbi Roig, o vice-prefeito, Vicente Ferrari, e o secretário da Fazenda, Danúbio Roig, estiveram na Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP), em reunião com o chefe de Gabinete do secretário, Cezar Schirmer, Felipe Pires da Silva, para buscar soluções a esse problema fundamental que tem afetado drasticamente a vida dos nortenses – a falta de segurança.

Por definição, em uma democracia plena, a segurança pública garante a proteção dos direitos individuais e assegura o pleno exercício da cidadania. Logo, ela não se contrapõe à liberdade, mas é condição para o seu exercício, fazendo parte de um dos inúmeros e complexos elementos que influenciam na qualidade de vida dos cidadãos.

A preocupação com o aumento da violência e da criminalidade como consequência da drogadição, foi manifestada pela chefe do Executivo, que expôs dados do relatório acerca das ocorrências de assaltos, roubos e homicídios em São José do Norte. Fá ainda reiterou o pedido de aumento do efetivo da Brigada Militar e da Polícia Civil e o fortalecimento do núcleo de policiamento comunitário.

O andamento dos trabalhos do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M) da Segurança Pública também foi relatado pela prefeita. O chefe de Gabinete valorizou a organização e proatividade da gestão e informou que o município poderá ser contemplado com dois programas da SSP. Um visa ao aproveitamento de policiais reformados, para que voltem a atuar nos serviços administrativos, liberando os que estão na ativa para o policiamento ostensivo.

Já o Sistema de Segurança Integrada com Municípios do Rio Grande do Sul (SIM/RS) pode ser viabilizado mediante adesão ao termo de cooperação, e prevê a integração de sistemas, o compartilhamento de infraestruturas tecnologias, a troca de informações voltadas ao combate da criminalidade, a construção de uma doutrina única de capacitação e qualificação aos agentes da Segurança Pública, a adoção de políticas antidrogadição e a reinserção de apenados na sociedade.

O primeiro órgão federal da Segurança Pública a integrar o SIM/RS é a Polícia Rodoviária (PRF), cuja parceria deverá ampliar as possibilidades de intercâmbio tecnológico e de conhecimento, em ações como a capacitação das Guardas, a troca de informações em tempo real e a integração da infraestrutura.

Deseja procurar outra Notícia?